Uma experiência spray

08/01/09

Deixa eu dividir um experiência solar que tive durante as férias. Quando montei minha nécessaire, dois protetores em spray eram os grandes atrativos do meu verão. O Spray Transparente da L’Oreal eu até já estava usando em SP, em dia de mais sol quando vou ficar na rua, porque ele é super levinho e não meleca, e o Fresh Cooling, da Neutrogena, que eu adoro porque é geladinho. Ambos são legais porque são fáceis de aplicar e não precisa ficar espalhando.

Claro que levei muitos outros mas esses dois eram os queridinhos. Fora o de rosto, meu eleito foi o Fluide Extreme da La Roche + protetor compacto da Shiseido, que já me dá uma corzinha.

Aí no primeiro dia que fez sol, depois de 2 dias de pura chuva, eu cometi o primeiro erro vergonhoso: não passei protetor antes de sair do quarto, naquele momento em que estamos sem o biquíni que costuma atrapalhar. Isso porque quando acordei tava nublado, e quando o sol apareceu eu fui direto e passei protetor lá mesmo. Pra que…

Bom, passei o Fresh Cooling em mim e o Spray Transparete no meu namorado. Erro número dois (que eu só percebi de noite, olhando para meu colo vermelho e para a barriga rajada do coitado): spray + vento = desastre. Porque você aperta o pstchhh e o vento leva metade embora, mas eu não reparei, e aí deu no que deu.

Com um mau-humor profundo ao constatar minha vermelhidão (que foi apenas em um pedaço do colo e um pedacinho do braço, mas já me irritou, afinal é uma heresia), nunca mais tomei sol. Fiquei na sombra, de protetor e de roupa, pensando “era por isso que eu tinha desencanado do sol” e etc. Ainda bem que meu rosto ficou intacto… Meu namorado me perdoou pelo estrago que eu fiz nele (ficou lindjo, tudo manchado vermelho e branco) e não ficou achando que eu sou uma anta, não sei como.

Então divido com vocês meu aprendizado: o protetor em spray é ótimo e funciona, é prático e agradável, mas deve ser passado peladinha, num lugar sem vento, e com fé (tipo aperta e paaaassa mesmo, não pode ser econômica nesse momento). Na hora de reaplicar, vale redobrar a atenção já que você provavelmente estará de biquíni e no vento, então capriche mais ainda na quantidade de sprayadas por região. Fazendo isso , tudo vai dar certo!

Comentários

(Veja Todos os Comentarios)

56 replies on “Uma experiência spray”

Fer, eu tb ñ costumo tomar sol. MAs justo no dia 31/12 eu resolvi que ia mudar de raça p/ entrar o ano mega bronzeada e deu no que deu.
Aproveitando o lance do Summer TOne, eu ñ gosto, acho que mancha mto e é “descartável”, se vc esfregar a toalha + forte no corpo sai! Compra o da Banana Boat ou mesmo o da Avon que é beeem baratinho e é super bom!

luzinhanoleto, é a Luzinha, de SP?

Oi gnt.. Aki estou d novo pra falar do descascamento.. perdi a paciencia com as pelinhas infernais e seguindo os conselhos d uma amiga, comprei uma buchinha vegetal e passei delicadamente em circulos da pele na hora do banho… foi mtoo bom, saiu praticamente td. To passando o Honey e Milk da Boticario, a pele q ta surgindo da linda… To usando a buchinha a cada banho, as pelinhas mais teimosas estao saindo e sem machucar a pele. Nao sei se isso é um bom conselho, mas pra mim ta dando super certo!
Bjos a todas.

Olá a todas!
Escrevo de Portugal para dizer que sou super fã do blog! Parabéns! Como a minah pele é oleosa mas super sensível ando sempre à procura de dicas. Agora estou a tentar controlar as rosáceas com o frio ( que por cá é Inverno) mas ao mesmo tempo tenho de controlar o oleo e tenho de ter protecção solar. Estou a experimentar um creme da chanel para controlar o brilho. Mas falaram-me de um protector da chanel que é um protector de cidade e que tem 50 de spf. já alguém por acaso experimentou???? é que queria saber se é oleoso ou se dá pra uma pele chata como a minha!!!! (:
beijos e obrigada a todas pelas dicas!!!!

Tive a mesma experiência com o spray da L’Oreal, apesar de adorar passar quando tá um super calor pq dá uma refrescada sem precisar entrar na água. Fiquei super arrasada com o protetor com colágeno da L’Oreal, ele manchou meu biquíni e saída de praia novinhos e que gostaram uma mini fortuninha…

Estou atrasada para comentar aqui…
Eu também tenho o fresh colling, mas sinceramente? não confio como protetor solar! sou super branquinha, cheia de pintinhas, tenho medo de estragar minha pele, pegar um câncer de pele (credo).. eu passo os protetores normais, e uso esse fresh colling só para represcar o corpo mesmo, qdo estou suando muito, por ser geladinho, e considerando que é um “retoque” no protetor!! bjo!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Categorias:
Tags: