Do bastão ao pó: 3 tipos de blush para o dia a dia

 

Que blush é um curinga na maquiagem, é fato! Seja ele rosado, alaranjado ou mesmo roxo – cor que, aliás, é uma super trend nas redes sociais -, o produto devolve o rubor e dá viço à pele.

As mil e uma cores e texturas que podemos aplicar nas bochechas garantem um visual charmoso e natural para o dia a dia, ou mesmo uma pegada mais marcante se sua intenção é arrasar no look noturno.

Blush cremoso

O blush cremoso, que varia entre bastão, potinho e bisnaga, é um produto democrático, pois pode ser aplicado facilmente com os dedos, esponjinha ou pincel. Além de servir como “base” para o blush em pó, o blush cremoso sozinho oferece um visual glow, viçoso, e dá às maçãs do rosto uma aparência mais hidratada.

A Vic, por exemplo, tem um jeito próprio de aplicar o blush cremoso. Para ela, a maneira mais prática de passar o produto é utilizando um pincel duo fiber (ou duo fibra) que seja voltado para o rosto, mas numa versão menor que um pincel de base do mesmo modelo, por exemplo.

Para conquistar um efeito mais natural, o segredo é aplicar o blush cremoso dando batidinhas, seja com os dedos, com a esponja ou com o pincel, queridinho da Vic. Assim, você pode, inclusive, criar camadas e intensificar a cor.

Blush Líquido
Nars
Aqui
BT Plush
Bruna Tavares
Aqui
Blush Les Beiges
Chanel
Aqui
Blush Cremoso Cheeks Out Freestyle
Fenty Beauty
Aqui
Blush Stick Mariana Saad
Océane
Aqui
Blush Chubby Stick Cheek Colour Balm
Clinique
Aqui

Blush em pó

Se existe um produto superclássico, é ele: o blush em pó. A título de curiosidade, no século 19, um francês inovador chamado Alexandre Bourjois passou a vender para o público parisiense o item de maquiagem que até então era apenas utilizado pela nobreza e por artistas de teatro. O sucesso foi tanto que até hoje seguimos comprando os produtos da marca do empreendedor – a Bourjois.

Ao contrário do cremoso, a versão em pó deve ser aplicada com um pincel de tamanho médio e fofo, afinal, as cerdas devem segurar bem o pó até chegar no rosto. Alguns, inclusive, têm fios de tamanhos irregulares, como o pincel chanfrado, que encaixa direitinho nas maçãs e região de contorno, abaixo das têmporas.

Blush Little Round Pot
Bourjois
Aqui
Blush em Pó
MAC
Aqui
Blush Orgasm
Nars
Aqui
Blush Océane Blush Me Mariana Saad
Océane
Aqui
Blush em pó
GALifornia
Benefit
Aqui
Blush Papa Don´t Peach
Too Faced
Aqui

Match perfeito

Se a sua intenção é criar com suas próprias mãos um visual digno de maquiador, para arrasar em um evento noturno você pode, por exemplo, criar um “sanduíche” de diferentes texturas de blush.

Para intensificar a cor e garantir a durabilidade, depois de passar a base e o corretivo, aplique o blush cremoso e, por fim, sele com o produto em pó – que deve ser do mesmo tom ou ao menos parecido com o item anterior.

Truque para escolher a cor de blush ideal

Existe um segredinho usado por muitos maquiadores para definir qual tom de blush mais se aproxima do seu rubor natural. Eles ensinam a pressionar a ponta de um dos seus dedos com a mão oposta, criando uma espécie de pinça com o indicador e o polegar, apertando bem na altura da cutícula, até a extremidade ficar cheia de sangue. A cor que aparecer ali é a que se deve buscar no estojo de blush. Ao aplicar no rosto, o tom costuma ficar mais suave.

{Fotos: Reprodução Instagram}

Comentários

(Veja Todos os Comentarios)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Categorias:
Make ,
Tags: