O que rolou de mais quente no mercado da beleza em julho

06/08/21

No mundo:
. A Sephora acaba de adquirir a varejista digital Feelunique, que possui sede no Reino Unido. Esse é um movimento importante e provavelmente um primeiro passo para a entrada da empresa no mercado britânico, para alegria das consumidoras, já que a Sephora ainda não possui loja na Inglaterra.

. O Walmart anunciou sua primeira parceria com uma marca de cuidados com a pele, Bubble, tornando-se o varejo exclusivo da empresa. A fusão tem como objetivo alcançar os consumidores da geração Z, principais clientes da Bubble.

. O Ministério da Criança e da Família da Noruega adicionou uma emenda à Lei de Marketing para proibir a postagem de fotos manipuladas sem sinalização. O objetivo é diminuir a pressão que os jovens sofrem para se encaixarem em padrões de beleza. Até o momento, a regra vai valer apenas para postagens patrocinadas e quem violar a lei terá de pagar multa.

Violette, a maquiadora francesa radicada em Nova York que é conhecida por perpetuar a beleza parisiense, é nomeada nova Diretora Criativa de Maquiagem da também francesa Guerlain. A notícia sinaliza um movimento interessante de mercado, uma vez que Violette lançou sua própria marca de beleza há poucos meses, e seguirá tocando ambos. Em um vídeo divulgado pela Guerlain, Violette explica que sua inspiração não está dividida, pelo contrário – se multiplicou. Animadas para ver os próximos passos dessa parceria.

. A revista Allure abriu a sua primeira loja em Nova York, no SoHo. A intenção é que o estabelecimento seja uma extensão da publicação, fortalecendo o relacionamento com marcas de beleza que anunciam na sua plataforma. A loja vai contar com 270 produtos de 170 marcas, apresentando produtos vencedores dos prêmios Best of Beauty Awards e Reader’s Choice Awards, além de uma parede de produtos com curadoria dos editores.

. Se existe um país que valoriza a beleza desde sempre, é o Brasil – não à toa, somos o 4º maior mercado deste segmento no mundo, e é natural que isso chame a atenção lá fora. O Business of Fashion, veículo internacional que é super referência, publicou um verdadeiro dossiê analisando o (animado) cenário brasileiro atual, incluindo as muitas novas marcas, que tem potencial de expansão para além das fronteiras do Brasil, e movimentos relevantes como o da diversidade e o dos cosméticos naturais. Nossa fundadora, Vic Ceridono, foi uma das entrevistadas para a matéria. O artigo completo está disponível aqui, somente para assinantes.

 

No Brasil:
. A Vult firmou uma parceria com a Digital Favela, empresa que fomenta o empreendedorismo nas favelas, para cocriar conteúdo para as redes sociais da marca. A ação tem como objetivo revelar novos influenciadores e valorizar o diálogo com criadores das periferias. Além disso, a Vult pretende escolher novos personagens para participar da série “Maquia e Escuta”.

. A L’Occitane au Brésil vai virar L’Occitane Brasil. A mudança é parte do projeto de sound branding. A ênfase na brasilidade vem para facilitar a pronúncia, deixando as pessoas mais confortáveis para pronunciar e fortalecer a marca no país, sem deixar de lado a tradição francesa.

 

{Reprodução Instagram @guerlain e Jana Kukebal / Pexels}

Comentários

(Veja Todos os Comentarios)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias:
Tags: