Make do Prêmio

30/10/08

Hora de dissecar o make que eu fiz pra ir ao Prêmio Moda Brasil, que aconteceu ontem no Municipal, em SP (ô lugar bonito…), e foi bem bacana. Não vou comentar sobre vencedores e quem devia ou não ter concorrido e etc e tal porque esse é um blog de maquiLagem e um monte de blogueiro bom já falou sobre o assunto, que é e sempre será muito polêmico como todo prêmio. Só digo que eu adorei a ocasião como um todo, ver o povo arrumado, animado… Mas também fiquei muito feliz que o Chic ganhou melhor site e a Vogue melhor revista. Tá, dispersei, não deu pra segurar.

Voltando, eu devo dizer que cheguei hiper tarde do trabalho e dizia no convite que a porta fecharia pontualmente e o centro de sp da minha casa não é exatamente logo ali. Me arrumei voando e a maquiagem, claro, foi um pouco express – nessas horas, nada como a prática… Por isso que eu digo, tem que fazer todo dia, assim quando precisa mesmo o negócio sai quase que sozinho.

Pele: primer da Laura Mercier, base Face & Body MAC, cor N2, Touche Éclat YSL (1) nas olheiras, corretivo Studio Finish NC 20 em cima do Touche Éclat e em outros vermelhinhos eventuais e pó solto Armani aplicado com pincel gordo. Passei um pouco de pó queimador da Chanel, com o pincel kabuki da Sephora (que aliás custa só U$ 10 e é ótemo) e depois o blush Pink Swoon da MAC, com o pincel 168 da MAC.

Olho: sombra Beauty Marked, da MAC, um beringela-escuro quase preto que não é preto. E acabei de me dar conta que em ocasiões mais “assim” sempre resolvo usar essa sombra, que curioso. Usei ela rente aos cílios de cima, aí esfumei um pouco pro canto externo, e passei rente aos cílios de baixo também, e usei o lápis preto do Duda Molinos também rente aos cílios tipo por cima, igual fiz com o lápis roxo do outro dia. AÍ eu cheguei a conclusão que tava mais escuro do que eu queria, então peguei a sombra Venus da Chanel (liiiinda, um marfim com um brilho bem fino) e passei por cima de tudo da pálpebra superior. Hahaha adoro, tipo perde tempo fazendo pra depois tentar apagar com a sombra clara. Aí peguei meu iluminador mais festivo, o Silver Dusk (MAC de novo ai que saco) que mora no meu coração porque foi uma das minhas primeiras maquiagens-queridinhas e passei por cima de tudo de novo porque ele dá um brilho ótemo. Aí curvex, claaaaro, e rímel, usei o Le 2 da Guerlain.

Boca: Snob, da MAC.

Aí quando passei o Snob concluí que o blush tava over então tirei um pouco do excesso com um lenço de papel. Passei o Silver Dusk pra iluminar ali no C do rosto e pronto. Fiz o cabelo em cinco minutos, nem consegui alisar direito meus pixains que já tão voltando na raiz, coloquei meu aplique, fiz um coque e coloquei a faixinha hippie! Que eu acredito no que escrevo haha. É da Accessorize.


Bom, não tem assim uma foto Wireimage mega giga que tem um zoom assassino, mas nessa que o Alisson do site da RG fez até que dá pra ver o olho vai? Essa foi a foto mais de perto que eu encontrei. E aí tem essa do Charles do Chic que dá pra ver o batom (e a careta porque eu não sei tirar foto direito, a Ivi bem que tentou me ensinar)


To com um cucuruto meio estranho. Meu essa camisola (é meu vestido é uma camisola que era da minha avó hihi) marca muito que loucura. Hoje to até sentindo como se tivesse feito mil abdominais de tanto que tentei encolher a barriga e ficar com a postura direita.

Beijos amigas! Amanhã (ou hoje, ah sei lá, sexta) tenho um casamento e já to pensando no visual, depois eu mostro o resultado! Ai tantas ocasiões que delícia.

Comentários

(Veja Todos os Comentarios)

67 respostas em “Make do Prêmio”

ah..e o q é a moda se não se divertir um pouco de vez em quando? adorei! se n tivesse falado q era uma camisola eu nemm tchum..achei mto criativo, a camisola é mto mais bonita q mto vestido de alta costura por ai..mas deixa pra la, ousar sempre vai atrair elogios e criticas.. é inevitavel! mas imagina o q o povo falou quando coco chanel resolveu usar preto no dia a dia, quando só se usava em velorio, né? o problema de ousar eh q as vezes as pessoas nao entendem a proposta, mas ja acostumei total..quando usei unhas azuis precisei explicar q nao, n era por causa da rakelli, o blue satin era o it-esmalte do momento. quando fitas com laços em volta da cabeça preciso dizer hello vai assistir gossip girl! eu detesto explicar, mas eh melhor do q usar calça-regata branca-rasteirinha-rabo de cavalo todo santo dia!( as variantes sao as cores..da regata!)

Vic,
Estava lindona. O que importa é segurar o visual, e vc fez com perfeição! O problema é que tem gente que a coisa que mais gosta de fazer é por os outros pra baixo ao invés de fazer críticas construtivas.

Vic, não é confete, porque quando não gosto, não me manifesto, mas vc simplesmente arrasou com essa camisola/vestido e eu já usei tbm há muitos anos atrás, muita gente usava nas festas à noite. Adorei seu look todo. Cat, cat, cat
Bjobjo ;)

Você é maravilhoso. Pouco me importam as críticas, o que importa são seus valores.

Saiba que de longe, morando no nordeste, há alguém que admira tanto uma menina de apenas vinte e dois anos, conseguir tanta coisa, com trabalho, talento, e esforço.

Pois saiba novamente, que você é belíssima, e estava lindíssima.

Críticas, e opniões sempre existirão. Infelizmente.

E olha, não estou ”jogando confetes na sua beleza”, nem arrematando elogios – de quem por ventura ler isto aqui, essa não é minha profissão, nem o meu perfil.

Estou só dizendo do fundo o que penso, e sinto.

Fique bem Victoria – isso não quer dizer nenhum consolo. Saiba que muitas vezes você nos faz alegre, nos faz sentirmos melhores, assim aprendemos a nos cuidar mais, e ver que a vida é leve, sem arrogância.

Eu só quero retribuir tudo que tem feito por todas nós, suas leitoras.

Com o beijo,

Renata

Perdoe os erros grotescos de português que postei, foi a pressa. Nesse momento me encontro no laboratório de informática da minha faculdade.

Não é confete, Vic, eu falei nos outros sites (juliapetit e vodcabarata) porque gostei mesmo. E é muito legal o jeito como você divide suas coisas com a gente (makes, roupas), sem afetação, com naturalidade. Tenho certeza que muita gente saca que o intuito é esse. Não é o de causar, nada disso, é uma menina que gosta de make e assuntos de beleza, se arrumou para uma festa e depois dividiu esse assunto com outras meninas que gostam da mesma coisa. Deve ser muito desconfortável mesmo ser interpretado de outra forma, acho que não só o fato de receber críticas, mas de muita gente usar a “exposição” (feita de forma despretenciosa) com maldade. Queria que isso não acontecesse, mas é como querer que não aconteçam outras coisas ruins no mundo que fogem ao nosso controle. Continue dividindo estas coisas com a gente, se possível, Vic.

Beijinhos

Li (elisane-bh)

Vic, sorry, mas quero continuar falando do assunto (porque só tomei conhecimento hj) apesar de vc não querer falar mais…

Mas vamos combinar essa Cintia B pensa o quê da vida? Pô, a primeiríssima coisa que pensei quando vi a tua foto foi: “Nossa, a barriga da Vic tá saradona, marcadinha, como se fizesse 500 mil abdominais por dia”. Juro que pensei isso! E não é confete porra nenhuma porque quem me conhece sabe que não sou disso Falo o que penso e pronto.

O problema é que esse povo acabou distorcendo a noção de estética, de beleza (e disso eu entendo dedivo à minha formação!), e tomou como padrão estético aquelas anoréxias esquálidas com cara de anemia.

Daí aparece uma pessoa super em forma, bonitona, em dia com o corpo e vem povo detonar??? Faça-me o favor!!! Vá procurar um terapeuta e rever os conceitos da própria auto-imagem!

Desculpem, mas hj não estou num bom dia e me irrita ler comentários desse naipe.

Vic..só faltou o tapete vermelho hein!! Vc é uma Diva e tem muita personalidade! (sem confete hein rs!) Qto às críticas não leve a sério, infelizmente as pessoas confundem muito as coisas e se acham no direito de expressar e despejar qualquer coisa por aí é o mundinho que vivemos hoje, todo mundo julga o outro pq é mais fácil do que olhar p/ si mesmo!! Bjs

Sinceramente, acho que as pessoas aproveitaram que a Victoria falou que era uma camisola da avó dela para ter do que falar. Até imagino assim:
– Poxa, Victoria, que vestido lindo!
– Gostou? Não é que é uma camisola que era da minha avó?… daí a cena muda para:
– Nossa, como ela tem coragem de vir num premio xyz com uma camisola!!!!
É aquele clichê: não existe unanimidade, gosto é gosto, blábláblá. E a gente bem sabe que quando as pessoas não têm do que falar, elas arranjam. É da natureza do ser humano. Fazer o que?!
Eu, particularmente, adorei o look. Estava muito glamourosa, delicada. Não com cara de boneca, mas típica da realeza (em épocas áureas).
Beijos em todas!

Oiii ..lindo loock e 3 comentário só hoje..hehe

Preciso da sua ajuda, comprei um kit da Mac com 4 pinceis…e não faço a minima ideia para que serve cada um deles…tenho usado assim no achometro…hehe…
Se vc puder me orientar agradeço imensamente…

Beijos…

Desculpe a sinceridade, mas não gostei muito do seu “vestido”, não. A idéia de usar o look vintage da sua vó é boa, mas quem não sabia da origem da peça (como eu, que vi a foto antes de ler o post), deve ter pensado que vc pegou um vestido emprestado, pois parecia grande no seu busto e a cor não realçava seu tom de pele.
Desculpe, não quero te deixar triste, mas como esse é um espaço democrático, decidi dar a minha opinião.
Adorei o make. Que batom vc usou?

vic, vc aplicou o silver dusk com qual pincel?? vc usou ele nos rosto todo ou só no C do rosto?
amei o vestido-camisola, mega chic!!
bjosss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias:
Tags: